Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Bueno7
Presidência
Presidência
Mensagens : 134
Data de inscrição : 17/02/2017
Idade : 20
Localização : Rio de Janeiro
Formamos os futuros superiores!
http://dothabbo.forumeiros.com

[DOT] Estatuto para Cargos Pagos ®

em 21/2/2017, 11:20
DEPARTAMENTO DE OPERAÇÕES TÁTICAS - DOT ®

ESTATUTO OFICIAL PARA CARGOS PAGOS ©




TERMOS DE ACEITAÇÃO

O Estatuto dos Cargos Pagos rege todos os policiais da hierarquia executiva, a partir do momento em que o cargo é adquirido, e está sob jurisdição da Presidência da Polícia DOT. O não conhecimento de quaisquer regras do regimento, não isenta o cargo pago de punições.

CAPÍTULO 1 - CONCEPÇÕES

Artigo 1:

Todos os cargos pagos devem ser respeitados e tratados da mesma forma que um cargo militar, sendo utilizado o pronome (senhor/senhora) para referir-se ao seu superior e levando em consideração que os mesmos possuem direitos e deveres iguais aos de qualquer outro policial. Estarão sujeitos à punições severas aqueles que, direta ou indiretamente, desdenharem, subestimarem ou menosprezarem a capacidade de um policial pelo único e mero fato de ser da hierarquia executiva.

Artigo 2:

Todo e qualquer cargo pago deve conter o grupo "[DOT] Cargos Pagos ®" do DOT-Emblemas. Este grupo funciona como identificador dos executivos perante os demais policiais.


CAPÍTULO 2 - HIERARQUIA

Aqui serão descritas as regras que dizem respeito as patentes executivas da DOT, bem como a hierarquia adotada em nossa polícia e que deve ser seguida por todos os funcionários.

Artigo 1:

A hierarquia executiva dispõe dos seguintes integrantes:

Inferiores

Sócio - Cabo
Agente - Sargento
Agente-Geral - Subtenente
Analista - Aspirante a Oficial
Advogado - Tenente
Coordenador - Capitão
Embaixador - Major
Procurador - General
Escrivão - Marechal

Superiores

VIP - Inspetor
Staff - Inspetor-Chefe
Ministro - Diretor
Ministro-Chefe - Diretor-Geral
Comandante - Diretor-Fundador
Chanceler - Supremo

Artigo 2:

Valores de cada cargo pago:

Sócio - 5c
Agente - 10c
Agente-Geral - 15c
Analista - 20c
Advogado - 30c
Coordenador - 40c
Embaixador - 50c
Procurador - 80c
Escrivão - 100c
VIP - 200c
Staff - 350c
Ministro - 500c
Ministro-Chefe - 800c
Chanceler - 5k

Observação: O cargo de Comandante não é vendido. Apenas alcançado único e exclusivamente por meio de promoção da Presidência.


CAPÍTULO 3 - FUNÇÕES E SUAS RESTRIÇÕES

Artigo ÚNICO:

Agentes-Gerais e Analistas podem ser membros de 2 das seguintes funções, além de Guias:

- Sistema de Evolução
- Promotoria de Eventos
- Rondas
- Supervisores de Promoções

Advogados, Coordenadores e Embaixadores podem ser membros de 3 das seguintes funções, além de Guias:

- Sistema de Evolução
- Promotoria de Eventos
- Rondas
- Supervisores de Promoções
- Comando de Operações Especiais
- Corregedoria
- Recursos Humanos
- Equipe de Marketing

Procuradores e Escrivães podem ser membros de 4 das seguintes funções e possuir 1 liderança, além de Guias:

- Sistema de Evolução
- Promotoria de Eventos
- Rondas
- Supervisores de Promoções
- Comando de Operações Especiais
- Corregedoria
- Recursos Humanos
- Equipe de Marketing

VIPs, Staffs, Ministros e Ministros-Chefes podem ser membros de 3 das seguintes funções e possuir 2 lideranças, além de Guias:

- Sistema de Evolução
- Promotoria de Eventos
- Rondas
- Supervisores de Promoções
- Comando de Operações Especiais
- Corregedoria
- Recursos Humanos
- Equipe de Marketing

Comandantes podem ser membros de 1 das seguintes funções e possuir 3 lideranças, além de Guias:

- Sistema de Evolução
- Promotoria de Eventos
- Rondas
- Supervisores de Promoções
- Comando de Operações Especiais
- Corregedoria
- Recursos Humanos
- Equipe de Marketing

Chanceler não possui limites de participação e lideranças.


CAPÍTULO 4 -PROMOÇÕES/ADVERTÊNCIAS/REBAIXAMENTOS/DEMISSÕES/AVAIS

Artigo 1:

Logo abaixo será descrita a lista de cargos pagos que podem promover, quem eles podem promover e limites (se houverem) de suas promoções.

Advogado a Embaixador promove Inferiores.
Procurador a Escrivão promove Praças Especiais.
VIP a Ministro-Chefe promove Oficiais Subordinados.
Comandante promove Oficiais Superiores.
Chanceler promove Inspetoria.

Observação: Para promover um Praça Especial, o cargo pago inferior terá que possuir a permissão de 2 membros da Inspetoria.

Observação²: Para promover um Oficial Subordinado/Superior, o cargo pago superior terá que possuir a permissão de 2 membros da Diretoria e obter Teste de Medalha concluído.

Observação³: Para promover um membro da Inspetoria, o cargo pago superior terá que possuir a permissão da Presidência e obter Teste de Medalha concluído.

Artigo 2:

Os cargos pagos são promovidos de acordo com o grau de empenho dedicado à instituição, além de sua conduta perante todos e sua participação efetiva nas atividades da polícia.
Segue abaixo a lista de cargos militares para promoções de cargos pagos:

Oficiais Subordinados promovem Sócios e Agentes.
Oficiais Superiores promovem Agentes-Gerais e Analistas.
Inspetoria promove Advogados, Coordenadores e Embaixadores.
Diretoria promove Procuradores e Escrivães.
Presidência promove Cargos Pagos Superiores.

Observação: Os cargos pagos inferiores necessitam possuir todos os treinamentos e dias mínimos equivalentes à hierarquia militar.

Observação²: Os cargos pagos superiores necessitam possuir o Teste de Medalha concluído.

Artigo 3:

Somente Procuradores acima podem aplicar uma advertência severa. Cargos abaixo podem se dirigir aos mesmos ou a qualquer membro da Corregedoria para fazer sua denúncia, sendo necessária a apresentação de provas.

Artigo 4:

Um cargo pago que acumular 3 advertências severas, será punido com um rebaixamento.
Segue abaixo os fatos que podem zerar as advertências de um policial:

Ser rebaixado pelo acúmulo de 3 advertências severas.
Ser promovido de Escrivão a VIP.
Ser promovido de Ministro-Chefe a Comandante.
Ser promovido de Comandante a Chanceler.
Ser julgado e absolvido pela Corregedoria.

Uma advertência (verbal ou severa) tem um período máximo de 3 dias para ser recorrida e anulada. Caso esse tempo passe, se torna impossível a anulação dela, exceto se houver intervenção da Presidência.

Artigo 5:

Além das advertências, um rebaixamento pode ser aplicado também quando um policial cometer um erro muito grave. Para isso, o autor do rebaixamento deve seguir as regras descritas abaixo:

Embaixadores acima rebaixam/demitem Inferiores.
Procuradores acima rebaixam/demitem Praças Especiais.
VIPs acima rebaixam/demitem Oficiais Subordinados.
Comandantes acima rebaixam/demitem Oficiais Superiores.

Observação: Para rebaixar/demitir, o cargo pago necessita da permissão de um cargo cuja equivalência hierárquica seja maior ou igual a sua.

Artigo 6:

Um aval só pode ser solicitado por um policial que seja no mínimo Agente-Geral. Cargos abaixo não sofrem nenhuma penalidade caso fiquem ausentes por menos de 15 dias.

Todo e qualquer cargo pago, cuja patente seja Agente-Geral acima, que se ausentar por 7 dias sem solicitar um aval, deverá ser penalizado com uma advertência severa.

Caso o cargo pago permaneça 15 dias ausente de suas atividades sem aval, o mesmo será demitido imediatamente.


CAPÍTULO 5 - MISSÃO/UNIFORME/EMBLEMA

Aqui serão descritas as regras para a utilização desses componentes pelos policiais da DOT dentro da base, a não conformidade com essas regras causará penalidades como advertências, rebaixamentos ou demissão, de acordo com a patente e o grau da infração.

Artigo 1:

Todos os policiais possuem uma missão padrão. Essa missão é usada tanto para os cargos normais, quanto para os cargos pagos. A missão é colocada da seguinte maneira:

[DOT] Cargo [página da compra do cargo ou promoção] [G] ®

Ex: [DOT] Embaixador [01/02] [G] ®

Observação: VIPs acima podem utilizar seu cargo antes antecedendo o nome da polícia.
Exemplo: Comandante da Polícia DOT ®

Observação²: Apenas Chanceler é permitido não utilizar a página na missão.
Exemplo: [DOT] Chanceler ®

Artigo 2:

Todos os policiais possuem um uniforme padrão, tantos os cargos militares, quanto os cargos pagos. O uniforme varia de acordo com a patente e a atividade extra do policial.

O uniforme padrão é calça branca com bolsos, sapatos pretos redondos e a farda seguindo a linha abaixo:

Inferiores

Sócio - Oliva
Agente - Branco
Agente-Geral - Azul escuro
Analista - Azul claro
Advogado - Vermelho
Coordenador - Roxo
Embaixador - Rosa
Procurador - Verde
Escrivão - Amarelo

Observação: A utilização das cores HC (ou não) fica a critério de cada policial, porém deve-se seguir uma linha coerente onde a cor da boina, calça e sapatos sejam semelhantes.

Observação²: VIPs acima possuem o uniforme livre. Contudo, devem utilizar roupas formais e sem extravagância, respeitando o ambiente militar da instituição.

Artigo 3:

Todo e qualquer cargo pago inferior deve utilizar, obrigatoriamente, o grupo "[DOT] Cargos Pagos ®" favoritado em seu perfil. Os cargos pagos superiores, por sua vez, devem utilizar o grupo "[DOT] CPs Superiores ®", ambos do DOT-Emblemas.

É proibida a entrada sem estar com o respectivo grupo favoritado, com exceção para os seguintes grupos:

[DOT] Presidência
[DOT] Diretoria
[DOT] Inspetoria
[DOT] Corregedoria
[DOT] Recursos Humanos
[DOT] Melhores da Semana
[DOT] Superiores

Observação: Se o cargo pago for líder/vice-líder de uma determinada função, poderá utilizar o grupo da liderança favoritado em base.


CAPÍTULO 6 - TRANSFERÊNCIA DE CARGO

As transferências de cargo são realizadas pelos cargos pagos que almejam trocar seus cargos adquiridos por cargos miltiares. Existem restrições que devem ser respeitadas para que essas transferências sejam realizadas, segue abaixo:

VIP, Staff, Ministro e Ministro-Chefe transferem para Tenente, com o TM concluído e a permissão de 2 membros da Inspetoria.

Comandante transfere para Capitão, com o TM concluído e a permissão de 2 membros da Diretoria.

Chanceler transfere para Major, com o TM concluído e a permissão de 2 membros da Presidência.

Observação: Exceções válidas apenas em casos de intervenção da Presidência.


CAPÍTULO 7 - TRANSFERÊNCIAS DE CONTA

Artigo ÚNICO:

As transferências de conta são realizadas quando o policial perde o acesso total à sua conta.

A patente mínima para solicitar uma transferência de conta é Agente-Geral.

É necessário procurar um Oficial Superior acima para realizar sua transferência. Além disso, deve-se recolher o máximo de provas possíveis sobre a perca da conta.

Os motivos mais frequentes são:

- Perca de senhas;
- Banimentos;
- Trocas bloqueadas;
- Ataque de hackers.

Observação: Caso não seja constatada a veracidade da perca da conta, a transferência não será realizada.

Observação²: Caso o policial não possua conta ativa no Fórum, terá que enviar um e-mail ao RH para comprovar, através de prints, que é o dono da conta. Além disso, é necessário acrescentar o seu contato (Facebook).

E-mail do RH: recursoshumanosdot@gmail.com

No e-mail, deve-se utilizar o modelo abaixo:

"Relatório de Solicitação de Transferência de Conta ®

Nick antigo:
Nick novo:
Patente e página:
Motivo da transferência de conta:
Provas que é o proprietário da conta:

Cordialmente, [patente] + [nick] ®"


Observação³: O policial deve utilizar em sua missão: [T-xx/xx], onde "T" significa a transferência e "xx/xx" a página da transferência.


CAPÍTULO 8 - SETORES DA BASE

Artigo ÚNICO:

A base é subdividida em alguns setores para o melhor gerenciamento da mesma. Cada setor pode ter (ou não) um comandante e tem suas próprias regras e deveres. Neste artigo trataremos de todos os setores individualmente para informar quais cargos pagos podem assumir.

Recepção - Qualquer cargo pago (com AF).
Comando da Recepção: Agentes acima (com TS).
Comando de Base: Advogados acima (com T3).
Comando de Guarda: Agentes-Gerais (com T2).
Oficial de Direitos: Qualquer cargo pago com direitos.
Alavancas: Sócios (com T1).
Comando das Alavancas: Agentes-Gerais (com T2).
Salinha dos Recrutas: Agente (com TS).

As descrições com todas as informações gerais sobre os setores estão contidas no Estatuto Oficial da Polícia DOT.


CONSIDERAÇÕES FINAIS

Este Estatuto e todo seu conteúdo está sobre jurisdição do Departamento de Justiça, Corregedoria e Presidência da Polícia DOT. Estatuto criado por Bueno7 sob supervisão de fejuto.


Todos os direitos reservados © 2017
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum